Defensoria Pública doa livros para estabelecimentos penais da Paraíba

 

A Defensoria Pública do Estado da Paraíba (DPE-PB), por meio da Coordenadoria Administrativa de Execução Penal (CAEP), realizou a doação de livros para estabelecimentos penais da Paraíba. A ação de reintegração social ocorreu durante o mês de abril, em alusão ao Dia Mundial do Livro, comemorado no dia 23 de abril.

A remição da pena é um direito da pessoa privada de liberdade, que possibilita a conversão do tempo de estudo ou trabalho em redução da pena privativa de liberdade. Além de possibilidade de reduzir o tempo de prisão, também combate à reincidência através da devida preparação do sujeito para se inserir na sociedade.

Para a coordenadora da CAEP, Waldelita Cunha, incentivar a leitura no cárcere possibilita uma nova visão de mundo. “É algo que agrega um impacto positivo na vida das pessoas privadas de liberdade, bem como para seus familiares, que se tornam os maiores apoiadores na transformação pessoal de cada um”, ressaltou a defensora pública.

As publicaçãoes doadas pertenciam ao acervo da Defensoria Pública e contemplam livros didáticos, paradidáticos, jurídicos, literários, entre outros temas.

Receberam as doações as penitenciárias Sílvio Porto, Flósculo da Nóbrega (Róger), Maria Júlia Maranhão (Feminino), Geraldo Beltrão (Máxima) e Dr. Romeu Gonçalves de Abrantes (Pb1 e Pb2).

Mais Notícias