Defensoria Pública divulga resultado da 3º edição do Concurso de Poesia em penitenciárias femininas do Estado

O Concurso de Poesia Transformando o Silêncio das Grades em Linguagem, realizado pela Defensoria Pública da Paraíba (DPE-PB) em penitenciárias femininas do estado, chegou a sua terceira edição. O resultado foi divulgado nesta segunda-feira (13) pela Coordenadoria Administrativa da Execução Penal (Caep) da DPE. O projeto de ressocialização é desenvolvido em parceria com a Secretaria de Administração Penitenciária (Seap) e este ano trabalhou o tema da maternidade.

Quatro poemas foram vencedores, um em cada unidade prisional, conforme estabeleceu o edital do concurso. Na Penitenciária Feminina de João Pessoa, a reeducanda Marília de Carvalho Marinho foi a autora vencedora. Já na Penitenciária Feminina de Campina Grande/PB, o texto vitorioso teve autoria coletiva. Participaram as reeducandas Fabiana de Aquino Lima, Alana Thayse campos Soares, Andrea Justino dos Santos, Josefa Danusa de S. Ramos, Thayna Hellen de Aquino Lima, Pamela Nicoly B. da Silva e Aldenice Gomes do Nascimento.

Na Penitenciária Feminina de Patos, Eliane Pereira Cândido recebeu a maioria dos votos da Comissão e na de Cajazeiras, mais um poema com autoria coletiva: Paula, Aparecida, Elizângela e Carmem assinam o poema. Cada unidade também levou cinco menções honrosas. As vencedoras receberão livros com dedicatória da autora.

A Comissão Julgadora do concurso é formada pelas defensoras públicas Lorena Cordeiro de Oliveira e Sabrina Bruna de Oliveira Rigaud, pelo defensor Bruno Cavalcanti Pedote, a professora doutora da Universidade Federal da Paraíba, Helen Haline Rodrigues de Lucena e a representante do Centro de Cordel e Culturas Populares da Paraíba, Claudete Gomes dos Santos.

De acordo com a comissão organizadora, o objetivo da ação é a ressocialização e a oportunidade das mulheres presas se expressarem através da arte. Um grande esforço foi feito para que as mulheres privadas de liberdade em todo o estado tivessem a oportunidade de participar. O mote do concurso em 2024, inspirado no Dia das Mães, foi “Ser mãe é … Ter mãe é…”.

A Comissão Organizadora do Concurso é formada pelas defensoras Waldelita Cunha e Monaliza Montenegro e a assessora técnica, Elluênia Lucena.

Confira as poesias vencedoras e menções honrosas:

Resultado Final – João Pessoa

Resultado Final – Campina Grande

Resultado Final – Patos

Resultado Final – Cajazeiras

Por Larissa Claro

Mais Notícias