Conteúdo notícias

» Notícias

Defensoria Itinerante atenderá a população de Ingá de 1º a 3 de julho

Por: Larissa Claro

Depois de Coremas, a Defensoria Itinerante segue esta semana com destino a cidade de Ingá, no agreste paraibano. A unidade móvel da Defensoria Pública do Estado da Paraíba (DPE-PB) ficará na cidade de quinta a sábado (1º a 3 de julho), na Rua Presidente João Pessoa, próximo ao Clube União Cultural Ingaense. Os atendimentos vão acontecer das 8h às 16h na quinta e sexta e até o meio-dia no sábado.

Qualquer pessoa que necessita da Justiça, mas não pode pagar um advogado tem a oportunidade de ser atendida pela Defensoria Pública e receber assistência jurídica integral e gratuita.

Em Ingá, a Defensoria Pública conta com os defensores públicos Antônio de Pádua e José Régis da Silva. Com o fechamento dos fóruns ocasionado pela pandemia, a unidade móvel da Defensoria chega para reforçar o atendimento na cidade, que tem ocorrido exclusivamente de forma remota.

Para evitar aglomeração, o atendimento é limitado, com distribuição de fichas a partir das 7h30. Todas as medidas de prevenção à contaminação da Covid-19 deverão ser cumpridas, como o uso obrigatório de máscara e álcool em gel, além do distanciamento social.

A unidade móvel da Defensoria Pública é equipada com quatro escritórios. Participam da ação assessores jurídicos do projeto Balcões de Direitos, coordenados por um defensor público. Grande parte das demandas que chega à Defensoria pela Itinerante é na área de Família, como divórcio, pensão alimentícia, adoção, interdição, união estável e reconhecimento de paternidade. Contudo, a Defensoria atua em todas as áreas ligadas à Justiça estadual, ou seja, Cível, Criminal e Fazenda Pública.

DOCUMENTOS - Para obter a assessoria jurídica gratuita, os interessados devem levar documentos pessoais (RG, CPF e comprovante de residência), além dos documentos que tenham ligação com o assunto para o qual o cidadão deseja atendimento.